NCaster Has not been assigned a template for this catogory. This site is powered by Project ncaster
using defalts layout Maria Luiza Ribeiro Viotti, presidente do comité específico da Guiné-Bissau na Comissão para a Consolidação da Paz, e Joseph Mutaboba informaram os membros do Conselho sobre os últimos desenvolvimentos na Guiné-Bissau numa sessão em que se analisou o último relatório do Secretário-Geral sobre o país, na presença de uma delegação guineense.

No relatório, o Secretário-Geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, felicita a Guiné-Bissau pelos avanços na estabilidade política do país. Ban Ki-moon saudou ainda o processo de diálogo que visa a realização da conferência nacional e apelou aos principais actores políticos do país para que utilizem este fórum para discutir os grandes desafios de estabilidade e progresso do país.

De acordo com o comunicado de imprensa, o Secretário-Geral das Nações Unidas revelou ainda no relatório estar «particularmente preocupado com as actividades de tráfico de droga na Guiné-Bissau» e encorajou o novo director da Polícia Judiciária a dar continuidade ao programa iniciado pelo seu predecessor.

Ainda segundo o comunicado das Nações Unidas, Ban Ki-moon defendeu a criação de um grupo de trabalho envolvendo a CEDEAO, CPLP, União Africana, União Europeia e Nações Unidas, para «trabalhar com o Governo» guineense na implementação do plano para a reforma do sector de segurança.

O relatório de Ban Ki-moon destaca a importância do diálogo permanente entre as autoridades guineenses e os parceiros internacionais em prol do reforço a paz e da estabilidade, e elogia os preparativos pelas instituições estatais, da consulta de Março último com a União Europeia, com a inclusão no processo da liderança militar e da sociedade civil.