NCaster Has not been assigned a template for this catogory. This site is powered by Project ncaster
using defalts layout Nesta quarta-feira decorreu uma conferência de imprensa em Bissau sobe o balanço da missão do Gabinete Integrado da ONU para a Consolidação da Paz no país, Uniogbis.

Para falar do trabalho do Gabinete estiveram presentes Joseph Mutaboba, representante especial do Secretário-Geral da ONU na Guiné Bissau e chefe da Uniogbis, e Gana Fofang, o seu adjunto e coordenador residente das Nações Unidas.

Gabinete

O Gabinete foi criado em 2010 para ajudar o país na consolidação da paz e desenvolvimento.

Segundo o coordenador residente da missão, a relação entre a paz e o desenvolvimento humano é fundamental para alcançar os Objetivos de Desenvolvimento do Milénio e a redução da pobreza.

Já o chefe do Uniogbis disse que no final de Dezembro o mandato será prolongado por mais um ano, para permitir que a missão continue a implementar a sua agência integrada para a consolidação da paz, apoiando os esforços nacionais para alcançar uma estabilidade duradoura.

Joseph Mutaboba acrescentou que seguindo o relatório do Secretário-Geral, o Gabinete continuará a trabalhar em estreita colaboração com as autoridades nacionais e os demais parceiros internacionais do país, principalmente na implementação das reformas nos setores da justiça, defesa e combate ao tráfico de drogas, crime organizado e impunidade, assim como na promoção do diálogo nacional.

Em Janeiro, Bissau acolherá a Conferência Nacional, sobre os caminhos da consolidação da paz e o desenvolvimento, que o representante especial diz ser uma oportunidade histórica para que o povo guineense vire uma nova página.

Joseph Mutaboba frisou ainda que espera que 2012 seja um marco importante nos esforços do país e dos parceiros de rumo à reconciliação, estabilidade e desenvolvimento.